terça-feira, 27 de junho de 2017

Obrigada por tua existência!




Obrigada por você existir em minha vida. Obrigada por fazer-me acreditar que apesar de tudo, amanhã há de ser outro dia. Obrigada por palavras confortantes que me acalmam. Um abraço apertado com afagos de quem quer só proteger e ser o porto seguro. Uma capacidade de audição tão aguçada e perspicaz procurando a todo momento demonstrar empatia, apesar de não estar dentro de mim ( dos meus sentimentos ), se esforçando para entende-los . E eu nesta loucura cega despercebo-me da jóia ao meu lado. Direcionando a minha mente à apenas um foco. E você,  livre, entregue, disposto em minha frente, dando-me toda atenção que eu precisava naquele momento. Não tenho palavras para expressar o quanto me senti melhor. O quanto dormi melhor. O quanto o meu sorriso se abriu por uma linda atitude sua. Meu querido, que você seja esta resposta que tanto pedi ao universo. E que eu esteja na direção certa de tudo o que um dia eu precisei e sonhei. Conto com os teus sonhos de  querer realizar os meus sonhos. Quem sabe um dia serão nossos. Quem sabe? Deixa acontecer naturalmente....

Iracema Correia

segunda-feira, 26 de junho de 2017

Deixando de ser inocente.






Minha cabeça doe. É uma dor física e certamente causada por um estresse. Talvez vários. Oriunda de uma dor emocional, carregada de emoção  ( com toda redundância permitida). A emoção de se enxergar no papel de trouxa. De uma boba que crê na pureza das palavras. Uma pessoa que insiste em manter uma postura fiel, palavras e ações e acreditava que tal atitude era mais fácil  de encontrar, entre muitos. Dizem que semelhante atrai semelhante. Meu Deus! Que loucura esta frase parece ser, em certas situações!  Quem são estes imãs que puxam ou atraem pessoas tão diferentes à mim? Aparentam características tão aceitáveis e no fim de tudo. Sim, no fim, Sempre chega o fim, pelos menos para mim, revelam atitudes que me assustam. Assustam-me porque ainda sou ingênua para muita coisa. Ainda acredito nas palavras ditas. De repente recebo um golpe pelas costas. E me pergunto: Como não percebi o que estava tão claro? As respostas estão ali na frente o tempo todo. Porém a ingenuidade faz passar batida todas elas. Falo de surpresas, decepções, angústias, mágoas, traições, abandonos, entre outros. Se sentir abandonado após acordar de uma fase "sonâmbula " é como acordar de um coma de longas datas e perder a direção.  Eu preferiria saber, com todas as letras a verdade vinda de quem me faltou com ela. Apesar de dura de aceitar, a verdade sempre é o melhor caminho, principalmente para quem tem dificuldades de abrir os olhos e ainda vive num castelo de ilusões. Era "isso" então, o tempo todo? Como sou ingênua!  Ai como dói!

Iracema Correia

quinta-feira, 27 de abril de 2017

Não entendi nada Edu.






Eu tô pensando na fragilidade da vida. Sempre penso nisto. Somos uma bruma. Uma partícula de pó. Acordamos e do nada vamos embora desta vida sem ao menos pedir permissão aos amigos, aos parentes, enfim. Tem dois meses só que conheci uma pessoa, meu vizinho que sofria de esclerose múltipla. Uma pessoa que não sabia a força que tinha. Que poderia ir mais além. Parece que se entregou e eu sempre dizendo: " Levanta Eduardo! Vai caminhar na rua com o teu andador! Vai pro sol, vai caminhar "homi"! E ele: " amiga eu preciso de uma namorada" E eu dizia: " Se namora primeiro, cuida de você, se ama vai. Depois as pessoas vão te amar." Ele: casa comigo amore! 😕😮 Eu: Eduardo, ia ser dois tronxos . Eu com Fibromialgia e tu com Esclerose Múltipla. Olha que casal sensacional! 😣😣E ele:" Ia dar certo amiga! "😂😂😂 Como se eu fosse a única mulher que ele pedia pra casar. Ele fingia que eu era e eu fingia que acreditava!!! O negócio dele era namorar. Só esqueceu de ter um caso de amor consigo mesmo. Então hoje ele acorda e depois vai embora sem ao menos me dar a chance de ver ele enamorado por si próprio. Parece que desistiu dele mesmo😕. Eu não queria te ver assim Eduardo, pálido, deitado na cama. Puxa!!! Em dois meses eu tive  a oportunidade de conhecer meu vizinho que pegava minhas correspondências e me ligava avisando. Não sabia Eduardo que você ocupava tanto espaço assim. Aos 41 anos você   partiu, não disse adeus. Não entendi nada viu! Só tive tempo de te conhecer e perceber que você poderia fazer mais por você mesmo! O vazio ficou. E agora? Quem vai pegar minhas correspondências?  😕

Uma homenagem à Eduardo 17\08\75 a 27\04\2017 , filho de Edna e do finado Topo Gigio. Muito conhecido  na cidade de Camaçari,BA. Coração apertado viu!😕 Escrever me ajuda a expurgar o sentimento ruim.😕

A gente leva da vida a vida que a gente leva. Aproveitar-se bem das pessoas. Não, não é se aproveitar, sugar do outro a sua energia. É superior demais o que falo. É simples também.  Senta do lado dela e conta "causos". Come amendoim torrado e conversa até tarde. Ri pra caramba, em frente a fogueira feita na frente da porta. Cria uma intimidade saudável. Alimenta isso sempre. Não sempre que puder. SEMPRE pode. Até o" bom dia fulano, dormiu bem?" Já faz uma diferença e tanta. Larga este celular e vai conversar face a face. Caminha! Anda! Levanta! Vai! Ta esperando o quê?

Iracema Correia


quinta-feira, 20 de abril de 2017

Lidando com a Depressão em 17 Passos ( que eu lembre...tem mais coisas ;) )





1. Cuide da higiene do sono.Durma em horários regulares.

2. Evite encher a mente e o corpo com " alimentos de baixa nutrição" . Para a mente, evite programas sensacionalistas, que fazem você acreditar que no mundo só há desgraça. Acredite, os bons ainda são maioria. Para o corpo, alimentos naturais e o mínimo possível de industrializados.

3. Se afaste de pessoas negativas, agressivas, assim que puder.

4. Não queira o papel de vítima, só você sofrerá com esta atuação.

5. Não queira agradar aos outros, fazendo algo que te incomoda. Obedeça a sua intuição.

6.Faça atividades físicas que te dão prazer, não só pelo valor estético, mas sim porque “mente sã corpo são”.

7. Se aceite e se ame, assim mesmo como você é.

8. Procure uma terapia, mas se não estiver te agradando, procure outro profissional. Nem todo Psicólogo está preparado para realizar uma terapia eficaz no seu caso." "Para cada tipo de psique há um tipo de terapeuta." Se sua energia "bateu" com a do terapeuta, se você sente que ele pode ser um bom canal para você se libertar e vencer e se autoconhecer, beleza, se não, procure outro.

9. Procure um médico clínico e solicite exames de sangue, apresente à ele suas queixas, certamente se ele achar conveniente, lhe encaminhará para um Psiquiatra.

10. Não tenha vergonha e nem medo de tomar remédios tarja preta, se forem acompanhados por um profissional de saúde, eles não deixarão você mais louco, nem é louco quem usa. Se estranhar algum sintoma incômodo, informe ao médico e peça outro.Louco é quem não se cuida e vive perturbando o juízo dos outros com conversa sem fundamento. Acredite, eles não sabem de nada meSmo.

11. Utilize técnicas de meditação e respiração.

12. Leia bons livros de autoajuda, sem preconceito, eles ajudam mesmo. Ouça palestras de terapeutas que você se identificar mais. Você pode encontrar muitos deste videos no Youtube.

13. Ore muito, tenha fé, acredite que existe uma força maior do que nós.

14. Exerça atividades que lhe façam bem, qualquer uma, para higiene da sua mente.

15. Seja seletivo na Internet,nem tudo que está lá é proveitoso assim como nem tudo é prejudicial, SEJA SELETIVO!! Viva o mundo real mais. Pise na grama, tome sol, ande descalço, sinta a natureza. Ame, abrace, sorria, fale besteiras, valorize cada pequeno momento da sua vida.
16. Procure se autoconhecer.

17. Se nada fizer, nada mudará em sua vida. Só mudamos o mundo, mudando antes a nós mesmos.

Bjs.

Sobre Depressão



       O povo fala muito de DEPRESSÃO mas não sabe nem o que é. Virou moda agora dizer que "fulano tem, porque fulano anda triste".
    Baixa de energia momentânea não é Depressão. As vezes é falta de sono adequado, ou algum tipo de carência alimentar nutritiva. Existe a Depressão Sazonal, que ocorre em pessoas em determinadas estações , geralmente no inverno.Ficar triste por um problema não é Depressão. Tentar resolver o problema também resolve a tristeza. Cerveja, cigarro, festa, sexo, etc. não curam a Depressão. O sexo ( consciente, seguro e sem vício )assim como as atividades físicas, ajudam a elevar o nível de serotonina, servindo como auxiliares também para a Depressão. Assim como o corpo carece de Vitaminas, sais minerais que produzem uma série de benfeitorias para o corpo, assim também carece de produção adequada de serotonina, um dos responsáveis pela obtenção do bem estar. Neste caso, precisam de antidepressivos para suportar a falta deste hormônio, ou até de ansiolíticos, estabilizadores de humor, etc. Por mais alegre que o ambiente esteja, uma pessoa que REALMENTE sofre de depressão, se não fizer um tratamento adequado, estará como zumbi, esgotado física, mental e emocionalmente. Por favor, parem de falar de DEPRESSÃO sem o devido conhecimento. Muita informação errada conduz a julgamentos levianos.

segunda-feira, 17 de abril de 2017

É preciso falar de abuso sim!





É preciso falar de abuso sim. Principalmente do abuso psicológico que não raro culmina com o abuso físico. Pessoas são assediadas a todo tempo. Digo, pessoas, sem distinção. Ainda vivemos numa sociedade que não tem sensibilidade e percepção para exercer a empatia. Mulheres acusam mulheres de serem culpadas pela agressão que sofreram, por parte de algum sem noção. Eu tô chocada e com a garganta apertada ao ver nas redes sociais o quanto a sociedade pratica o bullying livremente. Crianças expostas em vídeos onde as pessoas dizem que “se fossem seus filhos” ( sabe-se lá 😕), saberiam como disciplinar. E daí uma enxurrada de comentários grotescos e sem noção.
Cito muitos comportamentos agressivos: ofensas entre colegas de trabalho, filhos ou filhas que são espancadas por irmãos, até com o aval dos pais, mulheres no parto que são tratadas com desdém, tendo que ouvir deboches do tipo: “ Na hora de fazer o filho, ninguém reclamou”, muito comum estes comentários por parte de pseudo profissionais de saúde. Acreditem, onde há um relacionamento abusivo, não importa qual, mãe com filho, entre supostos amigos,entre irmãos, namorados, patrões e empregados, etc., a pessoa vive com sentimento de culpa e angustiada, enquanto a outra pessoa o confunde o tempo todo, lhe chamando de problemático até maluco, que se apropriam do seus problemas de saúde para vangloriar-se, apontando estes seus problemas como resultado da sua conduta "ruim", apropriando-se da sua vida, dos seus bens e até dos seus amigos. Quando tudo que você fala é alvo de rebaixamento, motivo para te envergonhar. Tá na hora de ligar o sinal de alerta pois quanto mais o tempo demorar, mais arraigará a dependência entre você e o agressor. Minando a sua autoestima e até lhe enlouquecendo.

As vezes é difícil notar que estamos em situações de exploração emocional, principalmente quando temos um histórico familiar de abuso, achamos até isto normal, por fazer parte da nossa rotina.Embora seja comum, não significa ser saudável. Quebre este ciclo o quanto antes. Procure uma terapia. Você vale muito mais do que acredita e do que lhe dizem. Evitando assim que você se torne amargo, infeliz ou até desenvolva doenças psicossomáticas decorrentes de tais pressões psicológicas. Lembremos: Comemos emoções, um dia o corpo precisará de espaço para por todos estes sentimentos ruins,e então cada órgão receberá seu pedaço de dor. Diz um texto bíblico: " O coração calmo é a vida do organismo carnal" Provérbios 14:30.

Iracema Correia